Super Hiper Mega Banner

#066-O espinafre de Yukiko

Esse curioso título me despertou a atenção. Saber que é um mangá erótico feito por um francês também me deixou curioso. Quando vi algumas imagens, fiquei impressionado. Não deu outra: comprei e adorei!

Frédéric Boilet, apesar de ser francês, faz bastante sucesso no Japão. Neste livro, lançado pela editora Conrad (que também lançou
Ero-guro, de Suehiro Maruo), vemos o romance do próprio autor com uma japonesa, Yukiko. Obs: Boilet mora no Japão.

A história é contada de um jeito incrível: vemos o que parece ser um verdadeiro filme e páginas de agenda escritas com anotações e informações do que estava se passando. É como um relato real do que se passou. Se é ficção, eu não sei, mas o roteiro, apesar de simples é delicioso.
A arte é um dos principais atrativos. O que vemos parecem ser fotos editadas, tamanha é a perfeição da obra. E não duvido que foram usados muitos efeitos de computador para alcançar tamanho realismo. É desaconselhado para menores de 18 anos por conter trechos de nudez e sexo, tudo muito bem desenhado. Mas apesar da trama se tratar uma atração carnal, não é pornográfico. Algumas imagens são explícitas, mas tudo é tão natural e belo que, de modo algum, se pode dizer que é de mal gosto.

O título é bem interessante e seria maldade explicar aqui, pois de trata de uma brincadeira divertida. Recomendo a leitura. E se você quiser conhecer melhor os trabalhos de Boilet, acesse o site oficial clicando
aqui. Agora resta a editora Conrad lançar outros títulos de Boilet! Cotação do Dai: ****

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.