Super Hiper Mega Banner

#206-Feira das vaidades

Dirigido pela indiana Mira Nair e estrelado pela ganhadora do Oscar Reese Wistherpoon, "Feira das vaidades" é um filme com uma grandiosa produção. Os cenários são majestosos e figurinos requintados. A fotografia também não fica atrás, é belíssima. É aquele tipo de filme para se ver e aproveitar cada imagem. A história também é muito interessante, principalmente se você gostar de dramas de época como "Orgulho e preconceito".

Becky Sharp (Reese Wistherpoon), é uma jovem disposta a crescer na vida. De origem pobre humilde, ela é uma "alpinista social", cuja ambição é disfarçada pelo carisma e pela boa educação. Mas algumas pessoas percebem quais são as intenções da senhorita Sharp e ela vai descobrir que para subir socialmente é preciso pagar um preço.

A trama, baseada na obra clássica de William Makepeace Thackeray, é ambientada em Londres, em 1820. Época que as pessoas eram julgadas pela família e nível social (nada muito distante de hoje em dia). A reconstituição da época foi muito bem trabalhada e o elenco todo está bem. Em especial a queixuda Wistherpoon.
A história flui agradavelmente na maior parte do filme. Porém, depois de duas horas, o roteiro acelera o passo e o filme fica parecendo uma novela mexicana, com uma série de cenas melodramáticas e de forte impacto. Esse, sem dúvida, é um ponto negativo. A trilha sonora com uma música-tema aproveitada ao extremo também pode cansar um pouco o expectador, mas, mesmo com esses problemas, "Feira das vaidades" é um filme acima da média.
Cotação do Dai: ****

Vanity Fair (EUA, Reino Unido, 2004) Dirigido por: Mira Nair Com: Gabriel Byrne, Reese Witherspoon, Romola Garai, Tony Maudsley, Jonathan Rhys Meyers...

Dica: Mira Nair dirigiu um outro filme bem interessante, o sensual "Kama sutra". Um filme que também conta com belas imagens e história dramática. A diretora sabe fazer com que a Índia pareça um lugar realmente mágico, com muitas cores e delícias exóticas. Em "Feira das vaidades" é possível perceber isso. Só que, diferente do que se pode imaginar, "Kama Sutra" não é pornô e nem uma lição de como praticar posições sexuais criativas e milenares. É um romance dramático cheio de músicas típicas. Cotação do Dai: ***

Veja aqui o trailer do filme Feira das vaidades:

Curiosidade: foi usado no final desse trailer a música "Nara", de E.S. Posthumus. Essa mesma música também foi utilizada em outro trailer, do filme "Infidelidade".

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.