Super Hiper Mega Banner

#217-Maldição

Em 1818a família Bell foi atormentada por uma força maligna. E o fenômeno culminou na morte de uma pessoa. Foi o primeiro e único caso registrado na história norte-americana de morte causada por um espírito. A premissa é interessante, agora o filme...

"Maldição" é um filme que tinha tudo para ser bom. O elenco carrega dois astros veteranos do cinema: Donald Sutherland (de "
Orgulho e preconceito") e Sissy Spacek (a eterna "Carrie, a estranha"). A produção consegue transmitir um bom clima de suspense, com o principal cenário sendo uma velha casa com móveis de madeira bem antigos. A trilha sonora chega a ser exagerada, mas é bem feita. Ok, mas qual o problema do filme? O problema mesmo é a história. Para ser mais exato, como a história vai se desenvolvendo. O começo do filme se passa nos dias de hoje, numa estranha perseguição que só serve para começar a verdadeira história, que se passa no passado. Uma família sofre com a presença de um violento e sádico fantasma que se dedica a espancar a jovem Sandy Betsy, uma garota linda que leva bofetadas na cara (!) e tem seus fios de cabelo arrancados pela entidade (!!).

Os ataques sempre acontecem de noite (de preferência as tempestuosas, por favor), mas Betsy consegue ter visões durante o dia. E todos acontecimentos são relatados pelo professor da menina, que descreve os fenômenos num caderno. A história até que prende a atenção no começo, mas depois se torna repetitiva. É impactante ver a menina sofrendo uma sessão de spanking sobrenatural, mas depois o espetáculo cai na mesmice.
Para piorar, o filme se transforma no final. A edição muda, são realizados flashbacks esquisitos e uma explicação (que deveria surpreender e ser original) é mostrada, complicando e confundindo tudo e todos.

Se "Maldição" fosse um filme mais simples que se preocupasse apenas em cumprir sua função de dar sustos e provocar medo, talvez o resultado fosse mais positivo. Mas não, o roteiro tenta tornar a história inteligente e criativa, tentativa que fracassa e também frustra. Filme regular, compensa assistir apenas pela beleza atriz que interpreta Besty (
Rachel Hurd-Wood, a Wendy de "Peter Pan").

Cotação do Dai: **1/2
An American Haunting (EUA, 2005) Dirigido por: Courtney Solomon Com: Donald Sutherland, Sissy Spacek, James D'Arcy, Rachel Hurd-Wood, Matthew Marsh, Thom Fell, Sam Alexander...
Veja aqui para ver o trailer do filme A maldição legendado em português:

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.