Super Hiper Mega Banner

#246-Fome de amor




Já começou o 14º Festival Mix Brasil de cinema e video da diversidade sexual. São filmes, curtas e produções que, na maioria das vezes, nunca entram no circuito comercial. Os temas são variados, embora todos possuam em comum a pluraridade sexual.

O Festival começou em São Paulo, dos dias 09 a 19 de novembro. Depois irá para o Rio de Janeiro (21 de novembro a 03 de dezembro) e Brasília (30 de novembro a 10 de dezembro). Veja mais detalhes sobre a programação e sinopses no site oficial. Clique para visitar.

Você pode ler sobre alguns curtas em exibição no festival clicando aqui. O filme que comentarei hoje não foi o filme de estréia, mas faz parte da programação: "Fome de amor".

D
irigido por Rosa von Praunheim, "Fome de amor" é conhecido também como "Your Heart in My Head". A história foi baseada no famoso caso de Armin Weiwes, o canibal alemão de Rotemburgo. O caso já foi citado em "FEED", um filme sobre fetiche por mulheres gordas. Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, o filme foi apenas baseado no acontecido. O jeito que a história se desenvolve é original e não corresponde ao que, de fato, aconteceu.


O filme é estrelado por apenas dois atores (Martin Molitor e Martin Ontrop), que se revezam na tela, interpretando todos os personagens da história. Achim é um professor que foi abandonado pela esposa e afastado da escola que lecionava. Ele vive com a mãe ranzinza e luta para não enlouquecer com a solidão. Emocionalmente abalado, ele irá procurar na internet um parceiro que goste de jogar xadrez.



E é aí que surge Peter, um rapaz que também é problemático e está disposto a encontrar uma nova amizade. O relacionamento dos dois começa instável, mas logo eles passam várias horas juntas. Durante todo o filme, Achim registra um diário gravado em video. Ele grava suas impressões sobre Peter e também como está se sentindo. Tudo de um jeito muito amador e realista. Para quem não prestar atenção, o filme pode até se passar por um documentário.


Mas a morbidez passa a dividir o caminho dos amigos quando surge o tema do canibalismo. Contar o que acontece depois irá só estragar a história (que já é bem conhecida). Quem procura por um filme de terror vai se desanimar porque "Fome de amor" é um drama. E daqueles bem densos, que terminam de uma forma perturbadora. Com uma mensagem que fica na cabeça por muito tempo. Até que ponto se deve seguir as fantasias mais sombrias da mente? E até onde se pode ir na busca de companheirismo e amizade?

Terrivelmente cruel e realista. Um drama difícil de engolir! Cotação do Dai: ***ps: não encontrei o pôster nem o trailer do filme.
Se alguém tiver me mande para que eu possa disponibilizar aqui no Daiblog.
Dein Herz in meinem Hirn (Alemanha, 2005) Dirigido por: Rosa von Praunheim Com: Martin Molitor e Martin Ontrop..

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.