Super Hiper Mega Banner

#315-Segredos mortais

Grupo de adolescentes viaja durante fim de semana. Mas o passeio que prometia ser uma inesquecível na lembrança na vida fútil dos jovens vira um pesadelo sem fim. A sinopse clichê combina perfeitamente com essa produção trash. "Segredos mortais" é ruim do começo ao fim. E quando você pensa que não pode piorar, o roteiro mostra que é possível ficar pior sim!



Todos os personagens rasos de filmes teen estão presentes e agindo como sempre. O título nacional se deve ao passado obscuro de Adam, um rapaz que "acidentalmente" colocou fogo numa casa indígena, matando uma família inteira.




E agora, anos depois, o grupo começa a morrer. Se isso te lembra "Eu sei o que vocês fizeram no verão passado", errou! O filme é bem pior porque não provoca sustos e não existe clima de suspense. Situações forçadas (você caminharia sem rumo de noite por uma floresta com um assassino solto?) e diálogos horríveis deixam o filme ainda mais surreal.



Logo no começo parece que é uma versão mais erótica de "Malhação". Música pop e elenco jovem só pensando em sexo. As cenas mais quentes, aliás, são mais presentes do que o terror. Então a violência exagerada, que geralmente é o ponto forte em filmes trash, é decepcionante.
Cotação do Dai: *

Adam & Evil (EUA, 2004) Dirigido por: Andrew Van Slee Com: Sean Arnfinson, Lynsey Brothers, Erica Cerra, Clayton Champagne, Jodie Graham, Brody Harms, Barbara Kottmeier, Terran Orletsky...

Veja aqui o trailer do filme Segredos mortais:



Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.