Super Hiper Mega Banner

#382-Videodrome

A televisão, assim como os video-games sempre foram acusados de promover a violência e os crimes. "Videodrome, a síndrome do vídeo" pega carona nessa velha hipótese para desevolver uma genial história de ficção científica e suspense. O filme, além de entreter, também pode gerar um ótimo debate sobre comunicação e sociologia. Está bem, mas e o roteiro?
 


Max Renn é um dos sócios da Civic TV, um canal a cabo de pornografia. Pensando numa programação diferente e mais apelativa, ele consegue uma cópia de uma misteriosa transmissão pirata. Um técnico conseguiu captar e decodificar um sinal de satélite. É assim que o protagonista pôde assistir o programa "Videodrome", que consistia numa sessão sádica envolvendo tortura e assassinato. Tudo com um realismo impressionante...



Interessado em divulgar a atração no canal e lucrar com a novidade, Max decide assistir melhor e pesquisar mais. Porém o que ele acaba descobrindo é que Videodrome é muito mais do que um programa perverso. A genial trama de Cronenberg (que, além de dirigir, também escreveu a história) engloba os famigerados snuff movies (videos reais de tortura e morte), sexualidade e uma profética visão sobre o principal meio de comunicação de massa da época: a televisão.


Ainda que nos dias de hoje o dvd tenha substituído as fitas vhs, o longa continua sendo muito atual. Cada vez mais novos canais a cabo surgem, com segmentações para os mais diversos públicos. Todo o novo avanço tecnológico caminha junto com os desejos sexuais mais antigos da história humana e o roteiro mistura com perfeição as duas coisas. Tudo, é claro, com momentos escatológicos e impressionantes. David Cronenberg ("Marcas da violência") na sua melhor forma. Imperdível!
Cotação do Dai: ****1/2

Videodrome (EUA / Canadá, 1983) Dirigido por: David Cronenberg Com: James Woods, Sonja Smits, Deborah Harry, Peter Dvorsky, Leslie Carlson, Jack Creley Lynne Gorman, Julie Khaner ...

Veja aqui o trailer original do filme Videodrome, a síndrome do video:




Tecnologia do Blogger.