Super Hiper Mega Banner

#415-Cleópatra

Começou nesta terça o 40º Festival de Brasília de Cinema Brasileiro. Leia aqui a cobertura completa (ou quase) do meio evento da indústria cinematográfica do Brasil! A terceira noite da Mostra Competitiva 35mm foi muito esperada.

O cine Brasília estava abarrotado de pessoas curiosas e cinéfilos ansiosos para assistir ao novo trabalho de Júlio Bressane. "Cleópatra" foi selecionado no festival do ano passado, mas foi desclassificado porque o longa não ficou pronto na data certa. Para concorrer novamente ao festival, o diretor guardou o filme durante um ano, já que somente produções nacionais podem concorrer ao Troféu Candango.

Não deixe de ver logo abaixo um vídeo exclusivo do Festival!

Foram apresentados nesta sexta-feira os curtas "O Presidente dos Estados Unidos", de Camilo Cavalcante e "Uma", de Nara Riella, seguidos do longa "Cleópatra", de Julio Bressane. Como sempre, a primeira sessão começou às 20:30, com reprise às 23:00.

Cleópatra

O que esperar de Cleópatra? A história de uma das mulheres mais importantes da História é mostrada com um olhar brasileiro. Júlio Bressane não quis fazer um filme para todo mundo. Apesar do elenco global, a produção é alternativa, artística e cheia de lirismo, característica do diretor. O papel-título fica por conta de Alessandra Negrini. Ela interpreta a rainha do Egito, representante de Ísis na Terra.
  



O longa mostra principalmente os relacionamentos que ela teve, em especial com Júlio César (Miguel Falabella). Quem espera ver uma reconstituição de época hollywoodiana, vai se surpreender. O longa não recria o Egito antigo como "A múmia" ou "O retorno da múmia", mas garante uma ótima e convincente ambientação. Destaque para a belíssima fotografia, que valoriza os detalhes dos cenários. A trilha sonora forte também colabora e intensifica os sentimentos das personagens.


"Cleópatra" é um filme bonito. Visualmente estiloso e com cenas e ângulos bem originais. Em certos momentos, algumas cenas de sexo lembram levemente "Calígula". Mas não no sentido da perversão e sim do clima de antiguidade. O misticismo da cultura egípcia não foi esquecido e o filme mostra cenas literalmente encantadoras, além de danças e figurinos bonitos.


No elenco também está Karine Carvalho (de "Brasília 18%"), que estava presente no lançamento do longa junto com Alessandra Negrini e demais membros da produção (veja video abaixo). Gostei muito do filme porque é cheio de poesia. Entretanto não é um longa fácil. A duração (quase 2 horas) pode comprometer quem espera um filme comum. Mas em "Cleópatra" o ritmo é diferente. Ame ou odeie. Eu já tomei a minha decisão!
Cotação do Dai:
DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Cleópatra (Brasil, 2006) Dirigido por: Júlio Bressane Com: Elenco: Miguel Falabella, Alessandra Negrini, Bruno Garcia, Josie Antello e Karine Carvalho...

Veja aqui o trailer do filme "Cleópatra":
Uma


"Uma" é o primeiro curta de Brasília exibido na mostra competitiva 35 mm. O filme mostra a história de uma mulher triste. Os motivos dela são mostrados no decorrer do filme. A rotina entediante e um casamento morno podem ser as razões para o desânimo. Bem filmado e dirigido. Destaque para os créditos do curta, muito bem feitos.
Cotação do Dai:
DaiblogDaiblogDaiblog
Uma (Brasil, 2007) Dirigido por: Nara Riella. Com: Anna Canton, André Deca e Érica Lacerda.O Presidente dos Estados Unidos


Sinopse oficial: 2003. Pela TV, George Bush declara guerra ao Iraque. No Curado IV, Carlinhos declara guerra a Teresinha. Seria cômico se não fosse trágico."O Presidente dos Estados Unidos" foi a terceira produção pernambucana no festival de Brasília. E foi a que se saiu melhor até agora. O filme mostra a loucura de um homem que pira quando fica sabendo da guerra do Iraque. Cenas engraçadas e final dramático.
Cotação do Dai:
DaiblogDaiblogDaiblog

O Presidente dos Estados Unidos (Brasil, 2007) Dirigido por: Camilo Cavalcante com: Elenco: Silvio Pinto, Daniela Câmara, Miguel Taveira e Samuel Santos.

Leia também sobre outros filmes do festival: "
Amigos de risco" e "Meu mundo em perigo
".

E veja aqui abaixo o vídeo do diretor e equipe do filme "Cleópatra" falando sobre o longa-metragem na noite do lançamento. Bressane pede paciência em tolerância da platéia, afinal o filme tem quase duas horas de duração e foi exibido depois dois curtas!

Exclusividade nacional do Daiblog especialmente dedicada aos leitores.


Tecnologia do Blogger.