Super Hiper Mega Banner

#458-Vestida para casar

A comum fantasia feminina de se casar em uma cerimônia inesquecível é o mote do longa-metragem "Vestida para casar". A comédia romântica é assinada por Aline Brosh McKenna, que também escreveu o script de "O diabo veste Prada". Agora quem espera alguma semelhança com o filme estrelado por Meryl Streep e Anne Hathaway vai se surpreender no cinema. As duas produções são bem diferentes.
 


Jane (Katherine Heigl, de "Ligeiramente grávidos") é uma prestativa jovem que trabalha em uma empresa que planeja e executa casamentos. Ela é a responsável por várias tarefas da celebração, que vão desde a escolha de doces e bolo da festa até o modelo do vestido que a noiva irá usar. Tamanha dedicação é acompanhada de uma espécie de maldição: ela mesma nunca se casou. Assim, o papel de Jane se restringe apenas a ser uma dama de honra em vários matrimônios. E como nos contos de fadas ela aguarda ansiosamente o dia que irá encontrar um noivo e usar véu e grinalda. Enquanto não chega o momento, Jane trabalha em casórios alheios.



Ainda no escritório, ela cultiva uma paixão secreta pelo chefe George (Edward Burns, de "O amor não tira férias"). Mas a heroína da história vê o sonho de se casar com o patrão desaparecer quando ele se interessa pela irmã de Jane, a bela Tess (Malin Akerman, de "Antes só do que mal casado").
Para completar a história aparece um jornalista chamado Kevin (interpretado por James Marsden, de "Encantada"). Ao contrário de Jane, Kevin não acredita em amor à primeira vista e acha que casamentos são rituais exagerados e piegas. Enquanto a mocinha da história vive em um universo idealizado e cheio de esperanças, o rapaz é mais pé no chão e possui valores bem diferentes. É claro que as diferenças entre os dois irão provocar inevitáveis atritos. E também não é surpresa aquela velha história que os opostos se atraem...


Além de contar uma história de amor, a produção norte-americana também procura dar uma espécia de lição sobre aprendizado e superação. Jane, que sempre foi excessivamente bondosa e pronta para a ajudar o próximo descobre que nem sempre o mundo é cor de rosa e que as pessoas precisam ajudar umas às outras. O título original (27 vestidos) representa a quantidade de vestidos de dama de horna que a protagonista guarda no armário.

"Vestida para casar" é como uma receita de bolo para agradar quem gosta de comédias românticas: casais, clichês e casamentos. E um bolo daqueles de caixinha, que é difícil dar errado. Não apresenta nenhuma novidade, mas, mesmo sendo previsível, é fácil de ser assistido.
Cotação do Daiblog:DaiblogDaiblog
27 Dresses (EUA, 2008) Dirigido por: Anne Fletcher Com: Katherine Heigl, James Marsden, Krysten Ritter, Malin Akerman, Edward Burns, Melora Hardin, Maulik Pancholy...

Veja aqui o trailer do filme "Vestida para casar" legendado em português:


Tecnologia do Blogger.