Super Hiper Mega Banner

Cinema Especial - A princesa e o sapo


Estreia nesta sexta-feira nos cinemas o longa-metragem A princesa e o sapo. A animação marca o retorno da Disney aos desenhos feitos à mão. Além deste aspecto, um outro ponto chama a atenção: em mais de 70 anos, pela primeira vez os estúdios fazem um desenho com uma princesa negra.

Tiana (com a voz original de Anika Noni Rose, de Dreamgirls) passa a integrar o hall das princesas Disney, que conta atualmente com: Bela (A bela e a fera), Jasmine (Aladdin), Cinderella (Cinderella), Ariel (A pequena sereia), Branca de neve (Branca de neve e os sete anões) e Aurora (A bela adormecida).
A princesa e o sapo
Tiana e o sapo
A história do musical A princesa e o sapo é ambientada na cidade de Nova Orleans. A história tem início quando Tiana encontra-se com um sapo-príncipe que quer desesperadamente voltar a ser humano. Depois de um beijo, a dupla é levada para uma aventura hilariante pelos místicos pântanos da Louisiana.
A princesa e o sapo
Músicas do premiado Randy Newman
O trabalho é assinado pelos mesmos criadores de A pequena sereia e Aladdin. Já as músicas são do compositor, Randy Newman, ganhador do Oscar® por Monstros S.A. E se alguém ainda duvida do talento do artista saiba que ele também levou os prêmios Grammy® por Toy story, Vida de inseto, entre outros.

No elenco de dubladores estão Keith David (Coraline e o mundo secreto), Terrence Howard (Awake - A vida por um fio, Animal), John Goodman (Speed racer, Os delírios de consumo de Becky Bloom), a apresentadora Oprah Winfrey (Bee movie - A história de uma abelha e A menina e o porquinho), além do brasileiro Bruno Campos (o Dr Quentin Costa da terceira temporada do seriado Nip/Tuck - Estética).

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.