Super Hiper Mega Banner

#811-Robin Hood

Robin Hood ou Gladiador? Quem for assistir ao novo filme de Ridley Scott (O gângster, Crianças invisíveis) vai ficar confuso por causa das semelhanças entre várias obras. Novamente vemos Russell Crowe no papel de um herói que já foi representado muitas vezes no cinema, inclusive em desenhos animados. Mas desta vez o longa apresenta uma visão diferente da famosa história. Mostra o que aconteceu antes do protagonista ser visto como o prínipe dos ladrões.

Ambientado na Inglaterra durante o século XII, o roteiro é longo, cheio de informações e pode soar confuso para os desavisados. Demora um bocado até se entender aonde tudo quer chegar. Depois da morte do rei Ricardo Coração de Leão (Danny Huston, de Número 23, Maria Antonieta, Reencarnação), a monarquia inglesa se viu prejudicada com o reinado inexperiente de João I. Ele não sabia, mas havia na própria côrte um perigoso espião prestes a preparar uma invasão francesa.
Robin Hood
Reinado jovem e imaturo

Robin Longstride entra nessa trama quando, depois de participar do exército da Coroa, viaja até o condado de Nottingham. O lugar passa por um momento complicado, já que são cobrados altos impostos e a Igreja ainda exige sementes e alimentos que são plantados por lá. É aí que Robin toma uma atitude para impedir esta injustiça. Porém não pense que este é o foco principal do filme. As duas horas e vinte de duração mostram também o ataque da França naquela mesma época e os demorados planos dos vilões.
Robin Hood
O arqueiro Robin


A mocinha da história é Marion Loxley (Cate Blanchett, de O curioso caso de Benjamin Button, Babel, Notas sobre um escândalo), viúva que se vê ligada a Robin graças a um plano do sogro (vivido por Max von Sydow, de Ilha do medo). Ela tem um papel típico da vítima que corre perigo, exceto quando roda a baiana se transforma numa guerreira (!), num dos momentos mais fracos da personagem.
Robin Hood
Ela passa fome, sofre injustiças mas é corajosa no campo de batalha

Robin Hood é um bom filme, que poderia ser melhor se fosse mais enxuto. Os minutos finais enfraquecem a projeção, com clichês e momentos óbvios e desnecessários. A surpresa vem com os créditos finais, uma belíssima animação com aparência de pinturas. Fazem parte do elenco William Hurt (Instinto secreto), Mark Strong (Sherlock Holmes, Oliver Twist), Matthew Macfadyen (Orgulho e preconceito), Kevin Durand (X-Men origens - Wolverine), entre outros.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblog

Daiblog Quer ver o filme Robin Hood?

Robin Hood (EUA / Reino Unido, 2010) Dirigido por Ridley Scott. Com Russell Crowe, Cate Blanchett, Max von Sydow, William Hurt, Mark Strong, Oscar Isaac, Danny Huston, Eileen Atkins, Mark Addy, Matthew Macfadyen, Kevin Durand, Scott Grimes...

Veja aqui o trailer do filme Robin Hood legendado em português:

3 comentários:

  1. Gostei do filme.
    Confesso q em certos momentos, tive a impressão de q o personagem iria falar: "My name is Gladiator".
    Hehehe

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que todo mundo fez essa comparação mesmo! Ficou difícil separar os dois filmes, sem falar que esse Robin Hood é diferente do que nós estamos acostumados a ver!

    ResponderExcluir
  3. Esperava mais desse filme, começou muito paradão e quando eu pensei que depois ia ter mais ação, o filme decepcionou e foi fraco... até tem uma estória coerente mas mostra muito mais as filosofias do personagem do que suas peripécias, deu sono!

    Deixar claro que o filme vale a pena pra quem procura entender como nasceu a lenda Robin Hood, então ação não é o forte dessa obra.

    ResponderExcluir

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.