Super Hiper Mega Banner

Cinema Especial - Julie Andrews

Julie Andrews é uma querida e aclamada estrela dos palcos, do cinema e da televisão há mais de meio século. Ela já era uma lenda da Broadway quando estreou no cinema em Mary Poppins. Sua notável atuação no papel que dá título ao filme, o da mágica babá, rendeu-lhe um Oscar, um Globo de Ouro e um BAFTA. No ano seguinte, foi indicada ao Oscar pela segunda vez e ganhou outro Globo de Ouro pelo duplo papel em Vitor ou Vitória?.

O público jovem de hoje em dia deve estar mais familiarizado com Andrews como uma rainha tentando treinar sua neta adolescente para ser uma princesa, no sucesso O Diário da Princesa e em sua sequência, O Diário da Princesa 2. Andrews também emprestou a voz à personagem rainha Lilian nos sucessos de bilheteria Shrek 2 e Shrek Terceiro. Mais recentemente, ela emprestou a voz para o bem-sucedido lançamento da Disney, Encantada. Em 2010, Andrews vai adicionar ao seu currículo, além de O Fada do Dente, Shrek Forever After e Meu Malvado Favorito.
Mary Poppins
O fada do dente
Seus filmes mais antigos incluem Não Podes Comprar o Meu Amor, Havaí, Positivamente Millie, Star!, Lili, Minha Adorável Espiã e Mulher Nota 10, citando apenas alguns.

Andrews nasceu e foi criada na Inglaterra, onde ficou famosa como uma jovem artista na música, no palco e no rádio. Ela ainda era uma adolescente quando cruzou o Atlântico para chegar à Broadway, onde fez sua estréia, em 1953, no musical O Namoradinho. Em seguida, deu vida à personagem Eliza Doolittle no musical da Broadway Minha Bela Dama, de Lerner e Loewe, que se tornou instantaneamente um clássico, além de ter sido o que permaneceu por mais tempo em cartaz na sua época. Andrews também ganhou um New York Drama Critics Award e foi indicada ao Tony Award pela atuação. Ela foi indicada ao Tony Award novamente em 1961, ao interpretar a rainha Guinevere no musical de Lerner e Loewe, Camelot. Trinta e cinco anos depois, Andrews retornou à Broadway para estrelar a adaptação para o teatro de Vitor ou Vitória?. A carreira de Andrews fechou um ciclo quando ela dirigiu uma versão de O Namoradinho, em 2005, que saiu em turnê pela América do Norte.
Mary Poppins
Mary Poppins
Julie também foi reconhecida por seu trabalho na televisão, que teve início em 1957, com o papel-título de Cinderella, de Rodgers e Hammerstein, trabalho que lhe rendeu uma indicação ao Emmy. Posteriormente, ela ganhou um Emmy por sua própria série musical, The Julie Andrews Hour, e também foi indicada ao Emmy por Julie and Carol at Lincoln Center, com sua amiga Carol Burnett, e pela atuação no especial Sounds of Christmas. Seus filmes mais recentes na televisão são One Special Night, com o amigo James Garner, Eloise at the Plaza e Eloise at Christmastime. Ela contracenou com Christopher Plummer na produção ao vivo da CBS On Golden Pound.

Andrews, uma já consagrada autora (Mandy, de 1971; The Last of The Really Great Whangdoodles, de 1974), uniu seu talento ao da filha, Emma Walton Hamilton, para publicar livros dedicados a estimular a imaginação de crianças e jovens leitores. The Julie Andrews Collection foi lançada em outubro de 2003. Ela publicou mais de 24 livros depois disso, incluindo Little Bo, a franquia Dumpy The Dump Truck, The Great American Mousical, Thanks to You, Someone’s Gift e The Julie Andrews Collection of Songs, Poems and Lullabies. O último, publicado em outubro de 2009, é uma mistura dos poemas, das músicas e das canções de ninar preferidos de Julie e Emma, juntamente com as pinturas de James McMullan. O livro traz clássicos queridos e sucessos atuais de Robert Frost, Emily Dickinson, Jack Prelutsky, Shel Silverstein, Rodgers e Hammerstein, entre outros. Home – A Memoir of My Early Years, a autobiografia de Andrews, recebeu boas críticas e imediatamente alcançou o primeiro lugar da lista de mais vendidos do The New York Times, assim como outras diversas listas de prestígio nos EUA e ao redor do mundo.
Victor ou Victoria
Vitor ou Vitória?
Além de seu trabalho nos palcos e nas telas, Andrews dedicou a vida à família e a causas importantes, incluindo a Operation USA, organização internacional pela qual viajou a diversos países, como Vietnã e Camboja. De 1992 a 2006, ela foi a Embaixadora da Boa Vontade do Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher (UNIFEM), o qual fornece suporte financeiro e técnico para mulheres de baixa renda nos países em desenvolvimento.

Andrews foi condecorada Dama do Império Britânico pela Rainha Elizabeth II na véspera do Ano Novo de 1999. Ela também foi homenageada no Kennedy Center em 2001.

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.