Super Hiper Mega Banner

#923-Amor Além da Vida

*Por Ray de Aguiar

O que existe além da vida? Muitos com certeza já fizeram esta pergunta ao menos uma vez. As teorias são diversas, mas todas convergem para um denominador comum: um plano espiritual, onde as pessoas coexistem em paz e harmonia. Esse é o contexto do filme Amor Além da Vida.

Chris Nielsen (Robin Williams, de Uma Noite no Museu 2 e Violação de Privacidade) é um médico que, numa viagem de férias, conhece sua alma gêmea, a artista plástica Annie Collins (Annabella Sciorra, de A Mão que Balança o Berço). Eles se casam, tem dois filhos e vivem uma vida perfeita. Até que um dia, seus filhos morrem num trágico acidente de carro. Annie entra em depressão profunda e Chris é o único que consegue manter a esposa com um pingo de sanidade. Quando as coisas parecem estar melhorando, Chris também morre em um acidente de carro.
Chris então acorda num lugar paradisíaco que ele mesmo cria, sem saber disso. Ele acaba descobrindo que cada um constrói o seu próprio Paraíso. Cada boa experiência vivida na Terra, cada lugar de conforto é uma peça que cria seu universo particular. O Paraíso de Chris é na verdade formado pelos quadros que Annie pintava. Lá ele encontra Albert (Cuba Gooding Jr., ganhador do Oscar de melhor ator coadjuvante por Jerry Maguire – A Grande Virada), seu antigo professor de medicina, que irá guiá-lo através desse mundo espiritual.
Enquanto vai se ambientando nessa nova realidade, Chris descobre que Annie não suportou viver sem ele e acabou cometendo suicídio. Pior: ao contrário dele, Annie vai parar numa espécie de purgatório, onde almas atormentadas precisam lidar com seus medos e inseguranças por toda a eternidade. Determinado a encontrar sua esposa e salvar sua alma, Chris embarca numa jornada pelo inferno em busca de Annie e onde existe o verdadeiro perigo: nunca mais voltar de lá.
As atuações são magníficas. Robin Williams está muito bem como Chris e Annabella Sciorra interpreta Annie de forma brilhante. Cuba Gooding, Jr. traz leveza para a dramaticidade da história. O filme dividiu opiniões. Algumas pessoas acusaram o filme de tendência religiosa, afirmando que identificaram vários elementos cristãos. Outras elogiaram, alegando que o filme não traz nenhuma referência a qualquer religião. A realidade é que o filme, assim como muitas obras de arte, funciona como uma pintura abstrata. Cada pessoa vê aquilo que quer ver. Mas independente da visão de cada um, todos vão perceber no filme a importância do amor e como este sentimento pode transcender tudo. Inclusive a morte.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer de Amor Além da Vida:


What Dreams May Come (EUA, 1998) Dirigido por Vincent Ward. Com: Robin Williams, Cuba Godding, Jr., Annabella Sciorra, Max von Sydow, Jessica Brooks Grant, Josh Paddock, Rosalind Chao, Lucinda Jenney, Maggie McCarthy...

Daiblog Quer ver o filme Amor Além da Vida?

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.