Super Hiper Mega Banner

#993-Os Três Mosqueteiros

*Por Raíssa Saraiva



Algumas histórias têm potencial para se tornarem eternas. São recontadas de tempos em tempos, sempre trazendo novas visões e arrebatando público pelo mundo afora. Os Três Mosqueteiros, obra clássica de Alexandre Dumas, é uma dessas tramas, que agora volta aos cinemas com tecnologia 3D pelas mãos do diretor Paul W.S. Anderson (Resident Evil – O Hóspede Maldito).

Depois de ser interpretado no passado por estrelas como Gene Kelly e Chris O’Donnell, o papel do idealista D’Artagnan fica a cargo de Logan Leman (Percy Jackson - O Ladrão de Raios). O personagem chega à Paris um ano após grande derrota de Porthos (Ray Stevenson - Thor), Athos (Matthew Macfadyen – Orgulho e Preconceito) e Aramis (Luke Evans, de Fúria de Titãs e Robin Hood), mosqueteiros do rei Luis XIII (Freddie Fox). A relação entre o recém-chegado e os guardas reais começa turbulenta, mas se transforma em amizade após a descoberta de um inimigo em comum.


Para salvar o futuro da França, os quatro entram numa perigosa missão em solo inglês, frustrando os planos do Cardeal Richelieu (Christopher Waltz – vencedor do Oscar por Bastardos Inglórios). Ao mesmo tempo, os mosqueteiros buscam despistar Milady (Milla Jovovich, estrela de Resident Evil e esposa de Paul W.S. Anderson), cúmplice de Richelieu e responsável pela queda do grupo tempos antes.

O filme possui belos cenários e figurinos, que retratam com primazia a corte francesa da época. A tecnologia 3D possibilita a exploração dos efeitos especiais, que lembram as técnicas eternizadas em Matrix. As cenas de luta, bem coreografadas, às vezes beiram o insólito, como na maioria dos filmes de ação atuais. O grande destaque, entretanto, é mesmo o roteiro, relativamente fiel ao livro de Dumas e cativante na medida certa. Diversão garantida até para os não admiradores dos romances de capa e espada.

O elenco misto de atores conhecidos (e outros nem tanto) mostra ter condições para segurar possíveis sequências do longa. Além dos intérpretes dos mosqueteiros, merecem destaque Orlando Bloom (Cruzada), de volta aos papeis de época como o Duque de Buckingham; Freddie Fox, com um hilário rei Luis XIII; e Juno Temple, no papel da doce e decidida Rainha Anne. Ainda participam da produção Mads Mikkelsen, Carsten Norgaard, Gabriella Wilde e James Corden, entre outros.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer do filme Os Três Mosqueteiros:

The Three Musketeers (EUA, 2011). Dirigido por Paul W.S. Anderson. Com Logan Leman, Matthew Macfadyen, Ray Stevenson, Luke Evans, Milla Jovovich, Orlando Bloom, Christopher Waltz, Freddie Fox, Juno Temple, Mads Mikkelsen, Carsten Norgaard, Gabriella Wilde, James Corden...

Um comentário:

  1. Achei que fosse um filme mais realista, pendeu um pouco pra comédia, que não caiu no meu agrado, Loga Lerman(D'Artagnan) parecia ator de seriados do SBT, enfim... atuações e um filme no geral, bem abaixo da expectativa. Méritos à direção de arte, que brilhou durante todo o filme, com cenários lindos e roupas perfeitas.

    ResponderExcluir

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.