Super Hiper Mega Banner

#1035-Cada Um Tem a Gêmea que Merece

O diretor Dennis Dugan (Esposa de Mentirinha, Gente Grande, Zohan – O Agente Bom de Corte) repete a parceria com o ator Adam Sandler (Click) em Cada Um Tem a Gêmea que Merece. A comédia trata da conturbada relação fraternal entre o bem-sucedido Jake e sua solitária irmã gêmea Jill (ambos vividos por Sandler). Enquanto ele é casado com uma mulher (Katie Holmes, de Batman Begins) e tem dois filhos, a parente nunca teve sequer um namorado, sendo muito apegada à família.

Jill decide visitar o irmão, que faz de tudo para que ela volte logo para casa. A falta de bom senso da moça é uma boa justificativa para ela não seja bem vinda. Então o que tem de sobra são alfinetadas e indiretas. A história parece ser só isso, mas aí vem uma surpresa: a presença do ator Al Pacino, que interpreta ele mesmo. 
Jake trabalha na produção de comerciais para televisão. Ele precisa contratar Al Pacino para uma propaganda e quando o próprio surge na história, é mais um motivo para ele correr atrás do astro. É claro que Jill estará envolvida no meio do processo e o que acontece é entregue ainda no trailer do filme.
O humor funciona em algumas cenas, mais pelos coadjuvantes que pelo duplo papel do protagonista. O imigrante mexicano que trabalha como jardineiro, por exemplo, é bem engraçado e sempre faz piadas sobre clandestinos nos Estados Unidos. Mesmo assim muitos momentos se repetem durante a projeção, o que acabou por gerar um filme mediano. Não é o melhor de Adam Sandler, mas também não é o pior.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblog
Veja aqui o trailer do filme Cada Um Tem a Gêmea que Merece:


Jack and Jill (EUA, 2011) Dirigido por Dennis Dugan. Com Adam Sandler, Katie Holmes, Al Pacino, Elodie Tougne, Rohan Chand, Eugenio Derbez, David Spade, Nick Swardson, im Meadows, Allen Covert, Norm MacDonald...

Um comentário:

  1. Deixou muito a desejar, essa é a verdade sobre esse filme! Se tratando de uma comédia com Adam Sandler, a expectativa sobe, mas o filme não é lá essas coisas, cheio de cenas forçadas pra fazer graça, algumas até conseguem fazer rir, mas o filme é bem abaixo da média.

    ResponderExcluir

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.