Super Hiper Mega Banner

#1084-Menos que Nada


*Por Ray de Aguiar (na Cidade de Goiás) - raydeaguiar@daiblog.com.br

Surpresa no FICA - Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental 2012, o filme Menos que Nada agrada e muito! Com direção de Carlos Gerbase, o longa-metragem conta a história de Dante (Felipe Kannenberg, de 400 Contra 1 - A História do Comando Vermelho e Não por Acaso), um paciente numa clínica psiquiátrica.

Dante sofreu um grande trauma e uma médica da clínica, a Dra. Paula (Branca Messina), tenta a todo custo descobrir o que levou Dante à loucura. Para isso buscará informações com Berenice (Maria Manoella, de O Palhaço, Nossa Vida Não Cabe Num Opala, Quanto Dura o Amor?), amiga de infância de Dante, com René (Rosanne Mulholland, de Falsa Loura, Meu Mundo em Perigo, Nosso Lar, O Magnata), arqueóloga que faz uma importante descoberta, e Gregório (Roberto Oliveira), pai de Dante. Em meio a sua pesquisa, Paula vai descobrindo inúmeras reviravoltas para chegar à conclusão do distúrbio mental do paciente.
O filme conta com ótimas atuações. Felipe Kannenberg convence como o inseguro Dante e consegue passar todo o distúrbio que seu personagem sofre. Branca Messina lembra um pouco o personagem de Cuba Gooding, Jr. em Instinto, no qual interpreta um psiquiatra que cuida do personagem de Anthony Hopkins. Aliás, os dois filmes têm muitas semelhanças na questão de um médico tentando curar seu paciente. Mas ao contrário de Instinto, Menos que Nada transmite um olhar mais humano através do personagem Dante. Suas relações com René e Berenice formam um triângulo amoroso que o deixa confuso.
Com este filme, Carlos Gerbase entrega uma história que prende a atenção do início ao fim. Intrigas e paixões mal resolvidas são exploradas com uma direção muito competente. Mais do que apropriado para ser exibido no FICA, pois além de viver bem no meio ambiente, devemos viver bem com o nosso ambiente mental. É a história do equilíbrio entre mente e corpo. Uma ótima surpresa em meio a tantos filmes banais que são feitos no Brasil, justamente por falta de vontade ou criatividade. Menos que Nada é a prova de que existem bons cineastas, bons filmes e bons atores no nosso país. Basta terem uma oportunidade.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer do filme Menos que Nada:  

Menos que Nada (Brasil, 2012) Dirigido por Carlos Gerbase. Com Branca Messina, Felipe Kannenberg, Maria Manoella, Rosanne Mulholland, Roberto Oliveira...

Ray de Aguiar viajou a convite do FICA - Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental.

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.