Super Hiper Mega Banner

Nove filmes para o Dia do Cachorro

Sabia que dia 4 de outubro é comemorado o Dia do Cão? Por isso a nossa equipe fez uma seleção de filmes relacionados com a data. São produções de vários gêneros que têm em comum o fato de ter os cachorros em destaque. Vamos ver?

*Michel Toronaga - micheltoronaga@daiblog.com.br

1-Perdido Pra Cachorro
Não são todos os donos que imaginam seus cachorros falando, mas quem pensa assim certamente vai adorar Perdido Pra Cachorro. Com toda magia Disney, a aventura acompanha uma cadelinha patricinha que se perde e conhece um outro mundo. Filme bem simples, mas que diverte pelas extravagâncias e luxo da protagonista canina.

2-Cujo
Cujo - Descubra porque a palavra medo se escreve com quatro letras. Era assim que estava na capa do VHS deste filme baseado na obra de Stephen King. A história é simples: um cachorro é mordido por morcegos, contrai raiva e se torna a maior ameaça para uma mulher e seu filho. Presos dentro de um carro, eles não conseguem sair e vivem um terrível pesadelo. Suspense bom como não se faz mais.

3-Bolt - Supercão
Bolt é um cachorro que trabalha como ator num seriado. Ele cresceu acreditando nos efeitos especiais, por isso pensa que tem superpoderes. Só que quando ele cai na vida real, descobre que as coisas são bem diferentes. Aprende, também, que não é preciso muito para ser herói e amigo. Animação bem feita e emocionante.

*Ray de Aguiar - raydeaguiar@daiblog.com.br

4-101 Dálmatas
Cuidar de um cachorro dá trabalho. Imagina então se juntar mais cem. Era uma vez Roger (Jeff Daniels) que tinha um dálmata chamado Pongo. Um belo dia, eles estão passeando no parque e encontram uma mulher chamada Anita (Joely Richardson), que tem uma dálmata fêmea chamada Perdy. Eles se casam e os caninos ganham filhotinhos. Eis que a chefe de Anita, uma estilista chamada Cruela de Vil (Glenn Close), descobre e fica obcecada em fazer casacos de pele com os dálmatas. Eles são capturados e precisam achar um meio de voltar pra casa. E aí entra em cena muita correria, comédia pastelão e o carisma que a Disney consegue transmitir para o público.

5- Pateta – O Filme
Tudo bem, o Pateta é um cachorro antropomórfico. Mas ainda assim é um cachorro. No primeiro longa-metragem como protagonista, o personagem atrapalhado tem um filho, Max, que vive os anseios da adolescência. A narrativa mostra o desenvolvimento da relação entre pai e filho, numa história que vai desde a um encontro com o Pé-Grande até um show de rock em Los Angeles. Um ótimo roteiro, com boa trilha sonora e as trapalhadas que só o Pateta consegue fazer.

6- O Máskara
A história é sobre Stanley Ipkiss (Jim Carrey) um homem azarado que encontra uma máscara que lhe concede poderes especiais. Mas é o cãozinho Milo quem rouba o filme. Ele abre portas de carro, tira seu dono da prisão, consegue “escalar” paredes, engana os bandidos e quando coloca a máscara, não há vilão que possa com ele. E ainda protagoniza uma ótima cena no final.

*Raíssa Saraiva - raissasaraiva@daiblog.com.br

7- Marley e Eu
Adaptada do best-seller de John Grogan, o filme conta a saga da família Grogan, formada por John (Owen Wilson) e Jennifer (Jennifer Aniston), que começa a ganhar traços definidos de um lar com a chegada do sapeca e terrível filhote de labrador Marley. Quem já teve o orgulho de ter um cãozinho vai reconhecer as hilárias situações encabeçadas por Marley e companhia, além das singelas cenas que somente um cachorro é capaz de montar.

8- Sempre ao Seu Lado
A história real do cão Hachi, que viveu originalmente numa pequena cidade japonesa, emociona 100% entre 100% espectadores. O professor Parker Wilson (Richard Gere) leva uma vida confortável ao lado da esposa e da filha. Um dia, a caminho do trabalho, Parker cruza com um lindo filhote da raça akita perdido na estação de trem. A empatia entre os dois é imediata e, apesar de diversos contras e tentativas de separação, o professor acaba adotando o cãozinho. O resultado é uma amizade tão profunda que nem mesmo a morte pode interromper.

9- Beethoven
Ok, quem terá coragem de dizer que nunca curtiu uma tarde depois da escola em companhia deste simpático são-bernardo em pelo menos uma de suas seis (isso mesmo, seis) sequências cinematógraficas? Na primeira parte da história, a família Newton recebe a chegada de um novo morador que vai literalmente abalar as estruturas da casa. Mas quando Beethoven passa a ser alvo de um veterinário-cientista, ávido por conseguir cobaias, a família percebe o quanto o ser de quatro patas é importante para a vida de todos.

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.