Super Hiper Mega Banner

Crítica do filme O Lobo Atrás da Porta

*Por Barbara Soares - barbarasoares@daiblog.com.br

O Lobo Atrás da Porta, longa de estreia de Fernando Coimbra, é um thriller de dar orgulho ao Cinema brasileiro. Dinâmico e tenso desde o primeiro minuto de projeção, o filme mantém o espectador engagado em um mistério que é revelado cuidadosamente, peça por peça, sendo completamente desvendado somente nas cenas finais.

A história começa quando Sylvia (Fabiula Nascimento) descobre que Clara (Isabelle Ramos), sua filha de 6 anos, foi levada da creche por uma desconhecida. Na delegacia, seu marido Bernardo (Milhem Cortaz) revela ao delegado (Juliano Cazarré) que acredita ser sua amante, a jovem e retraída Rosa (Leandra Leal), a responsável pelo sequestro. Rosa, porém, nega as acusações. Começa assim, um ciclo de interrogatórios que leva a versões contraditórias dos fatos e que mergulha nos segredos e obsessões dos três personagens principais, uma estrutura que lembra clássicos como Rashomon, de Akira Kurosawa.
Apesar de ter uma temática parecida com a de filmes como Atração Fatal, este longa demonstra desde o começo ser muito mais complexo, tanto nas motivações dos personagens, quanto na maneira realista e sem cerimônias com que conta sua historia. A fotografia destaca uma paleta escura, triste, além de quadros cuja composição inteligente é muito reveladora (por exemplo, na maneira fragmentada com quem a sala de estar de Rosa é sempre mostrada). A câmera, por sua vez, permanece desconfortavelmente colada nos rostos dos personagens em vários momentos, nunca escondendo e sim escancarando sua intimidade.
Completando sua lista de virtudes, O Lobo Atrás da Porta traz atuações que talvez sejam seu aspecto mais memorável: Milhem Cortaz traz um divertido cinismo ao papel, já visto em filmes como Tropa de Elite, mas também um lado mais sombrio que o habitual; Fabiula Nascimento (Estômago) interpreta bem a mulher de personalidade forte que tenta salvar seu casamento, e a comediante Thalita Carauta está ótima como Bete, o alivio cômico do filme. Porém, é mesmo Leandra Leal quem rouba a cena, interpretando uma personagem cuja trajetória emocional vai da inocência à obsessão, da dor ao desespero, encabeçando com propriedade este filme admirável.
Cotação do Daiblog:
DaiblogDaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer do filme O Lobo Atrás da Porta:
 
O Lobo Atrás da Porta (Brasil, 2014). Escrito e Dirigido por Fernando Coimbra, com Leandra Leal, Milhem Cortaz, Fabiula Nascimento, Juliano Cazarré e Thalita Carauta...
 
 

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.