Super Hiper Mega Banner

Crítica: A vida real em Aqui Deste Lugar

Por Jonathas Soares - jonathassoares@daiblog.com.br

Aqui Deste Lugar, de Sérgio Machado (Cidade Baixa) e Fernando Coimbra (O Lobo Atrás da Porta), é um filme incomum desde o começo. Com estreia em outubro em cinemas pelo Brasil, ele mergulha de cabeça em um mundo que muitos desconhecemos: o dos brasileiros vivendo com menos de 140 reais mensais, renda que garante a Bolsa Família. Depois de dois anos percorrendo o país e quase mil entrevistados, os diretores selecionaram apenas três núcleos familiares: Os Barcelos, de Rio Grande, no Rio Grande do Sul; os Coresma, de Tauá, no Ceará; e os Souza Leal, de São Paulo. 
Pablo Hoffman/Divulgação

A proposta do documentário é mostrar como esse dinheiro extra muda a vida das famílias, mas sem partir para propagandas partidárias. Isso porque é filmado em um estilo 'fly on the wall' (com o mínimo de intervenções por parte da equipe de filmagem). Aqui Deste Lugar funciona como uma janela autêntica à dura realidade das famílias. O filme abre com as inscrições no programa Bolsa Família e, depois, segue os personagens até suas residências, nos mostrando cenas íntimas do convívio familiar. Fica claro que, mesmo com a ajuda do governo, os protagonistas continuam vivendo em situações extremamente difíceis.

Foto: Rodrigo Carvalho/divulgação
No entanto, o filme se preocupa mais em mostrar como os seus protagonistas vivem, apesar de sua situação. Assim, o longa-metragem tenta explorar outros temas, utilizando a pobreza como pano de fundo, como se fosse um aspecto cultural ou uma nacionalidade. E, ao mostrar o dia-a-dia nas cozinhas, as conversas entre os filhos, idas ao colégio e viagens de ônibus, fazer o público se identificar com essas pessoas, justamente porque é possível ver que as partes das vidas filmadas que também pertencem às nossas.


Foto: Rodrigo Carvalho/divulgação
Ao final da projeção, importar-se com os personagens torna-se uma progressão mais do que natural. Afinal, que pai nunca teve de lidar com filhos que querem namorar? Que mãe não tentaria realizar os sonhos de sua filha aspirante a cantora, principalmente para escapar da pobreza? Quem nunca fez sacrifícios por um familiar ou pessoa amada? Essa camada da sociedade frequentemente ignorada brilha aqui. Conseguimos finalmente enxergá-la através de seus sonhos e triunfos: seres humanos completos e, não apenas, 'pobres' unidimensionais.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Aqui Deste Lugar (Brasil, 2015) Dirigido por Sérgio Machado.

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.