Super Hiper Mega Banner

Joy como personificação do empreendedorismo

Por Fabíola Spiandorello - Especial para o Daiblog 

O filme Joy é uma semi-biografia da norte-americana Joy Mangano. Apesar de suas licenças artísticas – a começar pelo fato de que na vida real Joy tem três filhos, ao invés de dois – o filme desperta questões interessantes acerca de inovação, propriedade intelectual e empreendedorismo.


Joy Mangano tem as típicas características de um empreendedor: é determinada e autoconfiante, criativa, enérgica, persistente e com um grande poder de persuasão. Tanto que as vendas de seu primeiro produto – o Miracle Mop – decolaram quando ela mesma apareceu em um programa televisivo apresentando suas funcionalidades superiores: foram vendidas dezoito mil unidades em menos de meia hora!


Os produtos comercializados pela empresa de Joy, a Ingenious Designs, têm uma complexidade tecnológica média – não podem ser considerados de alta tecnologia. De uma maneira geral, são melhorias funcionais ou de design de produtos para o lar que já existem no mercado: cabides, saboneteiras, guarda-chuvas etc. O esfregão Miracle Mop, emblemático da carreira de Joy, é produto de uma melhoria funcional dos esfregões já existentes à época que não atendiam a todas as necessidades.


Joy nunca descuidou da propriedade intelectual de sua empresa, sendo que ela é nominada inventora em mais de sessenta patentes e desenhos industriais. Ainda, há diversas marcas registradas em seu nome, e no nome de sua empresa. No Brasil, os produtos não são protegidos por patentes ou desenhos industriais – indicando que nosso país não é considerado um mercado para os produtos da empresa.


Apesar de ter sido vendida para uma subsidiária da HSN – a empresa emissora de TV que produz os programas de televendas que projetaram Joy e seu Miracle Mop – a Ingenious Designs continua sendo uma empresa familiar, com a empreendedora à frente dos negócios. A filha de Joy é vice-presidente de desenvolvimento de marca, merchandising e estratégia de marketing; seu filho, vice-presidente para estratégia de negócios e desenvolvimento. E seu genro, produtor na HSN.


Em algum momento, foi dito que os verdadeiros milionários do século XXI serão medidos não somente em termos financeiros, mas também em termos do número de pessoas que conseguiram influenciar com suas ideias, seus produtos. Joy Mangano é uma representante dessa nova definição: além de vender cerca de cento e cinquenta milhões de dólares anualmente, no último dia três de janeiro, duzentas e cinquenta mil unidades do Miracle Mop foram vendidas em apenas 24 horas de programas da HSN.

Fabíola Spiandorello é Gerente de Propriedade Intelectual da Agência Unesp de Inovação.

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.