Super Hiper Mega Banner

Crítica: A apelação de A Vingança Está na Moda

Por Leonardo Resende - hashtagcinema@daiblog.com.br 

Exceto para quem sofre uma vingança, situações de retaliação são sempre muito apreciativas, pelo menos no cinema. Dirigido por Jocelyn Moorhouse (Colcha de Retalhos), A Vingança Está na Moda estreia nesta quinta-feira nos cinemas. Acompanhado por um trio de estrelas como: Kate Winslet, Judy Davis e Liam Hemsworth, o longa-metragem apresenta todos os elementos satisfatórios para uma comédia trágica, exceto por decisões tão radiciais.


A personagem de Winslet é Tilly, uma mulher que retorna a sua cidade natal para superar um antigo trauma e vingar todos aqueles que não ajudaram na sua redenção pessoal. Sua mãe, Molly - interpretada por Judy Davis com esmero - a recebe depois de muita insistência e amargura.


A química entre protagonistas (Davis e Winslet) é um achado da direção de Moorhouse. O roteiro apresenta piadas com um humor ácido e trágico. A direção parece segura, entre outros elementos, enriquecem o filme. Mas onde foi que o longa errou? Os apelos emocionais. Uma decisão fez como que o A Vingança Está na Moda caminhasse para um rumo sentimental.


Se alguém duvidava que o filme apresentava um fundo dramático sem este ato, mudou de ideia após a decisão tão surreal. Um acontecimento tão banal que os espectadores questionarão seu senso de interpretação. A Vingança Está na Moda serve de exemplo de como uma simples cena pode estragar todo entretenimento que o filme tanto empenhou construir. E mesmo que exista a tentativa propulsante de Winslet e Davis salvar a película, ela não é o suficiente para um apelo tão extremo. Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer do filme A Vingança Está na Moda:



A Vingança Está na Moda (Austrália, 2015) Dirigido por: Jocelyn Moorhouse. Com Kate Winslet, Liam Hemsworth, Hugo Weaving, Judy Davis, Sarah Snook, Caroline Goodall, Kerry Fox, Rebecca Gibney...

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.