Super Banner

10 Segundos, filme sobre o bicampeão Éder Jofre

A Tambellini Filmes e a Globo Filmes rodam no Rio de Janeiro o longa-metragem de ficção 10 Segundos, com direção de José Alvarenga e produção de Flávio Ramos Tambellini. Protagonizado por Daniel de Oliveira, o longa conta a trajetória do brasileiro bicampeão mundial de boxe Éder Jofre, conhecido como Galinho de Ouro por ter sido eleito o maior peso galo da história do boxe mundial, e considerado uma lenda no esporte mundial. Osmar Prado interpreta o pai do atleta, Kid Jofre, e o elenco também conta com Sandra Corveloni (Angelina, mãe de Éder), Ravel Andrade (Doga, irmão) e Kelli Freitas (Cida, esposa), além da participação especial do próprio Éder Jofre, hoje com 81 anos, na sequência que abre o filme.

Foto: Gui Maia

“É uma história de amor entre pai e filho - e de um herói nacional, que muitos brasileiros não conhecem”, diz José Alvarenga. Éder nasceu em São Paulo, em 1936, e deixou de lado o sonho de trabalhar com desenho e arquitetura para seguir a tradição da família de pugilistas. Seu pai, o argentino José Aristides Jofre (1907-1974), conhecido como Kid Jofre, foi um respeitável boxeador, mas se destacou mesmo como o implacável treinador de Éder. “Ele era muito, muito austero, nos períodos de preparação para as lutas. A ternura paterna se revelava só depois que acabava o trabalho no ringue, de forma comovente, como nos momentos em que Kid beijava as feridas do filho logo após de uma vitória”, comenta Alvarenga.

Foto: Gui Maia

10 Segundos começa nos anos 40, mostrando a infância difícil no bairro do Peruche, em São Paulo, e conta toda a trajetória do campeão, que teve uma carreira brilhante e surpreendente com 81 lutas e apenas duas derrotas por pontos, sem nunca ter sofrido um nocaute. Ele sagrou-se campeão mundial na categoria peso galo em 1961, nos Estados Unidos, e defendeu o título até 1965, vencendo todas as lutas por nocaute. Em 1966, decidiu se afastar do esporte para levar uma vida comum, mas voltou em 1970, em nova categoria, o peso pena. Venceu então todas as 25 lutas que realizou até conquistar o título de bicampeão mundial, em 1973, aos 37 anos. O lançamento do filme está previsto para o primeiro semestre de 2017, com distribuição da H2O. As filmagens, todas em locações no Rio, terminam no dia 6 de agosto.
Google+