Super Banner

18º Fica - Roteiro gastronômico para cinéfilos

*Por Michel Toronaga, da Cidade de Goiás - micheltoronaga@daiblog.com.br

O Daiblog - Diversão * Arte * Informação é um site de cinema, mas aproveitando a cobertura do 18º Fica - Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental, evento que vai até domingo, na Cidade Goiás (a 386 km de Brasília), vale a pena falar um pouco sobre a gastronomia local por ser diferenciada. E quem quiser ir para o próximo Fica pode contar com estas dicas. A terra da poetisa Cora Coralina conta com delícias da culinária goiana em toda a cidade.

Delícias veganas do Dedo de Prosa Café e Bistrô Restaurante 

Arroz com pequi, escondidinho de mandioca com carne de panela e outros pratos bem temperados podem ser encontrados com facilidade na Cidade de Goiás. O restaurante Flor de Ipê, por exemplo, traz uma mesa de self-service a vontade. Vale não apenas pelo sabor, mas também pelo lugar. Repleto de flores e plantas, é um cantinho muito agradável para se fazer uma refeição.

A sorveteria fica dentro do Coreto. Foto: Michel Toronaga

Para dar uma aliviada no calor, uma boa pedida é tomar uma gostosura refrescante no tradicional Coreto, que fica no meio da cidade. Dentro da construção existe uma sorveteria com preços doces: R$ 2,50 a bola ou um picolé. Os sabores também chamam a atenção. Além de tradicionais opções como morango ou coco, há espaço para frutas tradicionais do cerrado. O Daiblog indica o sorvete de baru (uma espécie de amendoim) ou murici (uma fruta bem doce). Também na cidade há a sorveteria Kuka Freska, com mais variedade.

Doces tradicionais goianos
E se o assunto é doce, não faltam casinhas que vendem doces cristalizados, compotas e licores e cachaças artesanais. Ambrosia, doce de leite, figos e outros são feitos por moradores locais e vendidos por toda a cidade. O Daiblog recomenda as casquinhas de laranja cristalizadas. Das bebidas, uma das mais pedidas é a cachaça de jenipapo.

A beleza do Restaurante Flor de Ipê

Para quem quiser comer algo menos local e mais nacional, o jantar do restaurante Ouro Fino conta com mais de 50 sabores de pizzas. Com a massa fininha e muito recheio, é uma alternativa saborosa para quem quer dar um tempo nos temperos de Goiás. A de peperoni é uma delícia. Quem quiser inovar pode escolher uma com purê de batata e carne seca.

Panqueca de espinafre com recheio de carne de jaca do Dedo de Prosa Café e Bistrô Restaurante

A comida tradicional do local não é a única opção. Quem segue uma dieta rígida pode conferir o Dedo de Prosa Café e Bistrô Restaurante. O local consegue atender todos os públicos misturando tanto as refeições comuns quanto funcionais. Se você é vegetariano ou vegano, Dedo de Prosa é uma excelente opção. Sem repetir o cardápio, a chef consegue inovar todos os dias com alimentos alternativos, utilizando todas as partes dos alimentos em surpreendentes sabores.

Cobertura 18º Fica. Leia também:
Festival traz cinema e natureza andando juntos
Cineastas mostram produção local na Mostra ABD
Realidade virtual registra desastre em Mariana
Espaço para animações na programação
Filmes questionam: o que é um lar?
Crítica: Planeta Sigma desperta a imaginação
Crítica: O lado mais fraco da corda
Festival conta com música de qualidade
Entrevista com a cineasta Momoko Seto
Crítica: Vozes de Chernobyl vai além da tragédia
Roteiro gastronômico para cinéfilos
Google+