Super Banner

Conheça o trabalho do cineasta Claudio Assis


Nascido em Caruaru (PE), Claudio Assis começou sua militância cultural como ator no Grupo de Teatro de Feira Caruaru. Fundou em 1993, a Parabólica Brasil, responsável pela produção de uma série de curtas-metragens apresentados em festivais nacionais e internacionais. Paralelamente ao seu trabalho como diretor, assume a produção do primeiro longa-metragem após 20 anos sem filmes de Pernambuco, O Baile Perfumado.

Foto: Júnior Aragão/Divulgação
Sua primeira experiência como diretor em filmes é Amarelo Manga. O longa chegou a 130 mil espectadores no circuito nacional, além de ter ganho uma série de prêmios nacionais e internacionais e de ótimas críticas na imprensa. Com Baixio das Bestas, mais uma vez alcançou a excelência técnica e artística reconhecida pelo público e críticos. O filme foi exibido em 26 cidades brasileiras e amplamente divulgado pela imprensa nacional.

Claudio Assis e equipe foram premiados no Festival de Brasília. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Febre do Rato foi seu terceiro longa e fechou uma trilogia que começou com Amarelo Manga (2003), seguido de Baixio das Bestas, de 2006. O quarto longa-metragem de Claudio Assis, Big Jato, é estrelado por Matheus Nachtergaele, Marcélia Cartaxo, Rafael Nicácio, Artur Maia, Vertin Moura e Pally Siqueira, com trilha sonora original de DJ Dolores.
Google+