Super Hiper Mega Banner

Crítica: Esquadrão Suicida: Ser ruim nunca foi tão divertido

*Por Leonardo Resende - hashtagcinema@daiblog.com.br

Você é o Diabo?”, pergunta uma personagem, dentro de uma cela, cujo lençóis são utilizados artesanalmente para uma acrobacia área. O individuo que está dentro da gaiola é Harley Quinn, interpretada por Margot Robbie. Uma vilã do universo da DC Comics. Um questionamento curioso vindo de um ser como Harley. Momento inicial do longa-metragem Esquadrão Suicida demonstra como a maldade pode ser humanizada e não banalizada.


Dirigido e escrito por David Ayer (Marcados Para Morrer; Corações de Ferro), Esquadrão Suicida retrata os eventos após Batman V Superman: A Origem da Justiça, em que Amanda Waller (Viola Davis) reúne uma força-tarefa com assassinos, ladrões, canibais e psicóticos para missões impossíveis. Equipe é formada por Deadshot (Will Smith), El Diablo (Jay Hernandez), Capitão Boomerang (Jai Courtney), Harley Quinn (Margot Robbie) e Killer Croc (Adewale Akinnuoye-Agbaje). O time de vilões é acionado quando a arqueóloga June Moone é possuída por uma bruxa. O plano da entidade é restaurar o mundo de acordo com sua vontade.


Tentando se equiparar com a Marvel, Esquadrão Suicida dá um passo imenso nas adaptações de quadrinhos. Ao contrário da Casa de Ideias, o humor do diretor não é comum. Ele é trágico e ácido. Algumas piadas são usadas também como reflexo de alguma personalidade. Harley Quinn é o melhor exemplo dessa comicidade esquizofrênica. Surpreendentemente interpretada com muito talento por Robbie, sua Harley é tão perigosa quanto sedutora.


Se tratando de uma equipe de vilões icônicos, estrelas hollywoodianas não iriam faltar. Alguns são descartáveis, como Capitão Boombang e Katana. Porém, o restante empolga o público para os vindouros filmes da DC Comics, aliás uma parcela deles são antagonistas do Batman.


Diferentemente de Batman Vs. Superman: A Origem da Justiça, em que todos os tons são sombrios, Esquadrão Suicida acolhe o lúgubre da maneira mais cínica e cômica possível, mostrando que ser um vilão é mais divertido do que salvar o mundo.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

  
Veja aqui o trailer do filme Esquadrão Suicida:

 

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.