Super Banner

Crítica: O Último Trago: boas ideias, péssima execução

*Por Leonardo Resende - hashtagcinema@daiblog.com.br 

Alguns diretores conseguem a façanha de trabalhar com dois gêneros dentro de um filme. Porém, para fazer a transição, é necessária uma habilidade de narrativa espetacular. O Último Trago, de Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti, não pode ser usado como exemplo. O filme, que foi exibido  na Mostra Competitiva do 49º Festival de Brasília de Cinema Brasileiro, tem boas ideias, mas não sabe o que fazer com elas.


Em seu prólogo, o filme mostra um rapaz socorrendo uma garota violentada. Após a descoberta da vítima, um dono de um bar começa investigar o motivo de uma de suas funcionárias presenciar o espírito de uma índia guerreira. Entretanto, não é esperado que o filme tenha tantas reviravoltas místicas e inesperadas (no sentido negativo)


Se existe uma transição que os diretores conseguem fazer bem, é entre o amadorismo e o profissional. Algumas cenas - principalmente aquelas que necessitam retratar uma figura mística - são colocadas em tela da maneira mais pífia possível. Caso a passagem de gênero fosse tão eficaz quanto a de técnica, O Último Trago poderia ser tão bom quanto ele deseja.
Cotação do Daiblog:DaiblogDaiblog

Leia mais sobre o 49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro
Crítica: O Último Trago: boas ideias, péssima execução
Filmes candangos estão na Mostra Brasília
Crítica: Conhecendo o estranho com Solon
Filmes retratam a sensibilidade das produções mineiras
Programação para a criançada no Festivalzinho
Crítica: A crueldade sem filtros é vista em Martírio
Curtas: Regresso soteropolitano e animação dramática
Crítica: Rifle tem clima de faroeste no sul do Brasil
Festival de Brasília começa com tom politizado
Mostra Cinema Agora no Festival de Brasília
Curta de Lauro Escorel abrirá o Festival de Brasília
Cinema Novo na abertura do Festival de Brasília
A Destruição de Bernardet no Festival de Brasília
Curtas e médias do 49º Festival de Brasília
Longas selecionados para o 49º Festival de Brasília
Google+