Super Banner

Você sairá do cinema cantando com Axé: Canto do Povo de Um Lugar

*Por Michel Toronaga - micheltoronaga@cine61.com.br 

Você pode até não gostar do carnaval de Salvador, mas basta assistir ao documentário Axé: Canto do Povo de Um Lugar para descobrir a quantidade de músicas boas que a Bahia fez e ainda procura fazer. Com direção do baiano Chico Kertész, o longa-metragem estreia esta semana nos cinemas contando a história da sonoridade produzida naquele estado. E não faltam hits!


O filme apresenta desde as origens dos trios elétricos, nos anos 70, passando pela criação dos blocos de rua, artistas em carreira solo e a evolução de toda a criatividade soteropolitana. Repleta de referências e cores, as músicas e os batuques deixaram de ser uma cultura regional e alcançaram o resto do Brasil e também do mundo - vide shows internacionais e gringos que vieram ao país para conhecer o ritmo. Algo de trazer orgulho para a nação.


A produção é bem completa no sentido de abranger um longo período de forma cronológica. Para o público mais velho, estão garantidas boas lembranças de sucessos que estouraram nas rádios e na televisão. Do Fricote, de Luiz Caldas, até Sorte Grande (Poeira), de Ivete Sangalo, o documentário recorda muitos momentos da axé music do ponto de vista não apenas de músicos, mas também de pessoas envolvidas na indústria fonográfica. E aí existe espaço para interessantes curiosidades e histórias dos bastidores das gravações e origens dos grupos.


Com raras imagens de arquivo, o filme cumpre sua bem função, embora sua montagem simples não surpreenda. Entre os bons momentos destaca-se os detalhes da trajetória de Daniela Mercury. E também a conclusão, quando o cineasta mostra o declínio do ritmo das paradas de sucesso e apresenta uma positiva visão sobre os trabalhos baianos, apresentando uma possível solução para que o axé volte a ser o principal estilo musical brasileiro.
Cotação do Cine61Cine61Cine61Cine61

Veja aqui o trailer do filme Axé: Canto do Povo de Um Lugar:


Axé: Canto do Povo de Um Lugar (Brasil, 2017). Dirigido por Chico Kertész. Com Luiz Caldas, Carlinhos Brown, Marcio Vitor, Netinho, Olodum, Ricardo Chaves, Sarajane, Saulo Fernandes, Psirico, Terrasamba, Timbalada e Xandy...
Google+