Super Hiper Mega Banner

Mediunidade e cinema permeiam o drama de época Além da Ilusão

*Por Clara Camarano - contato@cine61.com.br

A década é de 30, período turbulento que antecede a Segunda Guerra Mundial e que foi marcado pelos ideais antissemitistas espalhados pelo partido nacional socialista. É neste cenário, que tem como pano de fundo a Cidade Luz (Paris), que as irmãs norte-americanas Laura Barlow (Natalie Portman) e Kate Barlow (Lily-Rose Depp) ganham a vida com espetáculos sobrenaturais.  Kate tem o dom de se comunicar com espíritos, enquanto a irmã sabe lidar com negócios. O longa-metragem Além da Ilusão estreia nesta quinta-feira nas salas dos cinemas brasileiros com todas estas temáticas polêmicas que se complementam.


A produção da diretora e escritora francesa Rebecca Zlotowski inova ao retratar tantos temas em 106 minutos. Conhecida por Grande Central (2013), Belle Épine (2010) e Les rencontres d’ après minuit (2013), Zlotowski chega com mais ousadia às telonas. Além da relação de codependência das irmãs, o assunto da mediunidade é escancarado junto com os preconceitos envoltos. Após uma série de espetáculos médiuns que chegam a beirar o circense, Laura e Kate são convidadas pelo empresário e produtor André Korben (Emmanuel Salinger) para atuar no cinema francês e competir com os estúdios dos EUA.


Convite aceito, elas são chamadas ainda para morar na casa do produtor, que demonstra uma relação de paternidade, mas com um tom sexual que deixa o espectador confuso em relação aos seus reais desejos. Em uma cena de regressão com Lily, por exemplo, eles parecem estar juntos em um ápice orgasmático. É, de fato, um filme que vale a pena ver e rever para entender todas as nuances críticas. Ainda, bater palmas para sempre exímia atuação de Portman e de Lily- Rose Depp que, pela primeira vez, estreia no cinema como protagonista e faz jus ao pai, Johnny Depp.


O filme conta ainda com uma crítica voraz à indústria cinematográfica e suas limitações. Além da Ilusão foi indicado ao Cesar Awards 2017, e também selecionado para os festivais de Veneza e Toronto. Por aqui, foi apresentado no Festival do Rio de Janeiro (2016), evento que teve a honra de receber a diretora pela primeira vez no Brasil.
Cotação do Cine61: DaiblogDaiblogDaiblog

Veja aqui o trailer do filme Além da Ilusão:


Planetarium (França/Belgica, 2016) Dirigido por Rebecca Zlotowski. Com Natalie Portman, Lily-Rose Depp, Amira Casar, Louis Garrel, David Bennent, Damien Chapelle...

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.