Super Hiper Mega Banner

Estrelado por uma vaca, estreia o longa Animal Político

Uma vida confortável numa grande cidade, com família e amigos queridos, uma rotina de compras, restaurantes e academia, até que, às vésperas do Natal, um vazio toma conta e a vida passa a não fazer sentido. Esse mote pode ser mais do que um roteiro de um filme, como também um resumo da vida de muita gente. Mas o que é bem mais inusitado nessa história é que a crise em questão é vivida por uma vaca, a protagonista do filme Animal Político, de Tião, distribuído pelo Projeto Sessão Vitrine Petrobrás, estreia ​dia 8 de junho.​ 


O filme bem-humorado e irônico é o primeiro longa-metragem do diretor pernambucano, que já foi premiado na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes pelos curtas Muro (de 2008) e Sem Coração (de 2014). "Pensar no que é a vaca passa por uma questão social clara e básica. Como a gente é uma coisa só, uma só espécie e, ao mesmo tempo, pode ser tão separado? Queria falar de uma entidade humana, torná-la a mais ambígua que eu conseguisse", explicou o diretor, durante participação no Festival de Tiradentes em 2016.


Rodado entre 2010 e 2013, em Pernambuco e na Paraíba, o filme traz a vaca como uma representação da humanidade, da sua necessidade material e de estar cercada de pessoas e, ao mesmo tempo, o sentimento de solidão e infelicidade que a cerda. "Coloquei essa vaca para que as pessoas olhassem as banalidades das nossas situações com algum distanciamento", disse o diretor em entrevista à Folha de S.Paulo. Além de Cerveja, o nome real da vaca protagonista, o filme contou com trabalho fundamental do elenco, que deu “voz" aos personagens. Entre eles, o ator Rodrigo Bolzan, que foi o responsável por “dar vida" aos pensamentos do animal.
 

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.