Super Hiper Mega Banner

Filmes não-finalizados estão na Mostra Futuro Brasil

O objetivo da Mostra Futuro Brasil, atividade inédita no Distrito Federal e introduzida a partir da 50ª edição do mais antigo festival de cinema do país, é o de permitir às obras brasileiras de longa-metragem ainda não finalizadas um primeiro contato com profissionais de curadoria e seleção de grandes festivais internacionais, incrementando a internacionalização do evento. Os curadores dos eventos internacionais serão convidados pelo festival e assistirão a sessões fechadas dos filmes selecionados, realizadas exclusivamente para este fim.

Coiote
A Mostra Futuro Brasil quer proporcionar condições mais competitivas para que filmes brasileiros de produção independente tenham possibilidade de fazer suas estreias internacionais dentro do período de realização desses festivais, abrindo ainda a possibilidade de apoios financeiros práticos para a sua efetiva finalização – o que muitas vezes é um problema real para a produção independente. A mostra selecionou seis longas-metragens nacionais em processo de finalização. Os cineastas terão a oportunidade de exibir os filmes em sessões fechadas e receber feedback de profissionais de curadoria e seleção de grandes festivais internacionais. Confira a lista completa:

Inferninho
A Mulher e O Rio, de Bernard Miranda Lessa (ES)
Coiote, de Sérgio Borges (MG)
Dias Vazios, de Robney Bruno Almeida (GO)
Guerra de Algodão, de Marília Hughes e Claudio Marques (BA)
Inferninho, de Guto Parente e Pedro Diógenes (CE)
Ttriz, de André Carvalheira (DF)

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.