Super Hiper Mega Banner

Mãe faz de tudo para resgatar o filho em O Sequestro

Em sua carreira marcada por altos e baixos, Halle Berry está de volta com O Sequestro. O longa-metragem tem direção de Luis Prieto e é um thriller daqueles que são reprisados inúmeras vezes na televisão aos sábados. Isso significa que o roteiro escrito por Knate Lee segue à risca todos aqueles clichês do gênero, o que pode gerar frustração em quem espera algo novo. Quem gosta de filmes com perseguição e suspense, contudo, pode aproveitar mais o título.


A trama representa uma situação aterrorizante: o sequestro de uma criança. Os créditos iniciais mostram o pequeno Frankie (Sage Correa) desde o nascimento, numa série de filmagens caseiras onde é possível ouvir os comentários da mãe, que derrete-se em elogios. A voz é de Berry, que interpreta Karla Dyson. Ela é uma garçonete divorciada que cuida do filho mesmo com o trabalho puxado. Por um descuido, ela acaba se perdendo de Frankie no meio de um parque.


Na verdade, a criança foi sequestrada em plena luz do dia. Karla consegue ver o filho sendo forçado a entrar em um carro muito suspeito e tem início uma implacável corrida entre os dois veículos. Tudo acontece de forma empolgante e dinâmica, pois a trama se desenvolve rápido, focando na ação. A partir daí, é possível ver a mulher fazer de tudo para recuperar o pequeno. A motivação do crime é algo que só é revelado no final.


Com alguns bons momentos, o filme consegue despertar interesse ao criar situações tensas. O curioso é que este parece ser um papel complementar ao que a atriz fez em Chamada de Emergência, de 2013. A diferença é que, desta vez, Hale Berry é quem está precisando de ajuda. Apesar de ser um trabalho facilmente esquecível que parece ter sido feito nos anos 90, é mais um exemplar que deve funcionar mais para os fãs de thrillers.
Cotação do Cine61: DaiblogDaiblog

*Por Michel Toronaga - micheltoronaga@cine61.com.br

Veja aqui o trailer do filme O Sequestro:


 
Kidnap (EUA, 2017) Dirigido por Luis Prieto . Com Halle Berry, Sage Correa, Chris McGinn, Lew Temple, Jason George, Christopher Berry, Arron Shiver...

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.