Super Hiper Mega Banner

Boa química é o grande acerto de Fala Sério, Mãe!

O longa-metragem nacional Fala Sério, Mãe! é uma comédia passível de reflexão. Enquanto o humor garante as risadas do público, o drama de ser uma mãe coruja, paranóica e superprotetora assistindo ao crescimento da primeira filha é inserido no filme de forma natural e realista. O roteiro é baseado no livro homônimo best-seller de Thalita Rebouças e tem direção de Pedro Vasconcelos (O Concurso). 


No início, as angústias de ter um bebê e todas as precauções higiênicas necessárias para um recém-nascido. Em seguida, o momento de ir para a escola. Não demora muito para vir a adolescência e o início da fase adulta. O filme é, basicamente, uma narrativa de eventos da vida da filha mais velha, Maria de Lourdes (Larissa Manoela). A fala, vez por outra, é contada em terceira pessoa. No início, a mãe tem o discurso só para ela, mas isso dura apenas até a filha se tornar adolescente e capaz de contar a própria história.


Embora o foco seja a relação mãe e filha, alguns problemas mostrados no filme giram em torno do laço matrimonial. A infelicidade dos pais juntos e o divórcio reforçam o papel da empatia na família. Em muitos momentos, a atribuição mãe e filha é invertida e Maria de Lourdes passa a cuidar de Ângela (Ingrid Guimarães) em momentos de profunda depressão da mãe. 


Em meio aos desafios e sustos de criar um filho, a interpretação de Larissa Manoela (O Palhaço) é bem convincente e atinge seu público-alvo muito bem. A conexão entre as atrizes protagonistas se mostra bastante intensa, o que acrescenta bons pontos nas personagens. O longa contém clichês, mas não mais do que o necessário para a ideia central do filme. Por fim, Fala Sério, Mãe! garante boas risadas em cima de piadas clássicas dentro da temática. Uma boa opção para se assistir com a família e com os filhos.  
Cotação do Cine61: Cine61Cine61Cine61Cine61

*Por Bruno Santa Rita - Especial para o Cine61

Veja aqui o trailer do filme Fala Sério, Mãe!:



Fala Sério, Mãe! (Brasil, 2017) Dirigido por Pedro Vasconcelos. Com Duda Batista, João Guilherme, Ingrid Guimarães, Paulo Gustavo, Larissa Manoela, Fábio Jr....

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.