Super Hiper Mega Banner

Jogador Nº1 mergulha em universo virtual

Desemprego, apatia, fome, conflitos… Não. Não é do presente retratados nas notícias de 2018 que estamos falando, e sim de uma história em um futuro distópico. Mas não é mais uma simples ficção que aterroriza pela proximidade com os valores morais dos nossos dias.  O game é uma espécie de fuga narcotizada diante da falência ética dos humanos. A Agência de Notícias UniCEUB conferiu a pré-estreia do filme Jogador nº 1.


A realidade em 2045 de Jogador nº 1 tem a invetividade e maestria de uma obra de Steven Spielberg, em mais um ótimo filme. O longa convida o espectador a conhecer um universo completamente virtual, o Oasis, idealizado por James Halliday (Mark Rylance), um mega empresário na ocasião.  Haja riqueza e contraste com o que ficou para o lado de fora dos equipamentos e tecnologia. A aventura instigante, mágica e futurista do diretor americano estreia neste final de semana em Brasília.


Inspirado no livro homônimo de Ernest Cline, a  ficção é repleta de referências aos anos 80, que devem fazer os fãs vibrarem a cada aparição. Os takes longos, que acompanham os movimentos das personagens em cena, trazem à tona uma sensação de interação. Com isso, é difícil não torcer para que o protagonista, o órfão Wade Watts (Tye Sheridan), fã de carteirinha de Halliday, consiga completar os desafios e tornar-se proprietário do Oasis, como proposto pelo empresário.


Em meio a todos os desafios do jogo e à disputa constante com a corporação “vilã”, denominada IOI, Watts vive um amor dicotômico, no qual seu avatar no jogo se apaixona pela bela Artemis e faz com que se apaixonem também fora do jogo, o que leva uma reflexão sobre a identidade das pessoas virtualmente (típica já nos nossos dias) e a correspondência delas na vida real. Não há como ignorar a proposta de discutir a dificuldade do relacionamento olho no olho ou sobre a crise de intolerância diante das diferenças. O desfecho, embora previsível, traz, de forma criativa por um roteiro coerente, detalhes instigantes que promovem reflexão depois que as luzes do cinema se acendem.

*Por Ricardo Ribeiro - Da Agência de Notícias UniCEUB, especial para o Cine61

Veja aqui o trailer do filme Jogador Nº 1:
 

Ready Player One (EUA, 2018) Dirigido por Steven Spielberg. Com Tye Sheridan, Olivia Cooke, Ben Mendelsohn, Lena Waithe, T.J. Miller, Simon Pegg, Mark Rylance, Philip Zhao, Win Morisaki, Hannah John-Kamen, Ralph Ineson, Susan Lynch...

Nenhum comentário

Todos os comentários do Cine61 são moderados por nossa equipe. Mensagens ofensivas não serão aprovadas. Obrigado pela visita!

Tecnologia do Blogger.